Entre irmãos (2009)

“I don’t know who said ‘only the dead have seen the end of war’. I have seen the end of war. The question is: can I live again?”

Versão americana do filme homonimo dinamarquês de 2004.   Complicado dizer qual seria o melhor, não assisti a versão original, mas vou analisar sobre o prisma hollywoodiano somente, sem fazer relações ok?

Ao fim do filme, e numa breve retrospectiva que sua sinapse gera, a primeira coisa que pode passar na sua cabeça é: E…?

Três bons bons atores protagonizam a história: Jake Gyllenhaal – como o irmão ovelha negra  Tommy, Tobey Maguire como capitão Cahill, se esforçando para mostrar que é mais do que um EmoSpiderMan (não provou nem surtando no final), e Natalie portman, no meio dos dois cuecas, fazendo o papel de Grace, esposa do capitão.

A história é tão óbvia, tão já usada, que você assiste o filme só esperando que ocorra algo de diferente: Tommy volta da prisão, e o Capitão Cahill vai para o Afeganistão com o exército. É capturado e logo, Grace recebe a notícia de que o marido está morto. Pode-se considerar que o interessante, é que apesar de Grace dar apenas um beijo no irmão de Cahill, nada mais acontece, porém quando Cahill volta para a casa, sendo resgatado (num digaaa!) ele tem a absoluta certeza de que é duplamente traido (irmão e esposa). Achei interessante isso, é a unica coisa que o filme consegue mudar de todo o resto que já existe: a neura psicológica de que deve ter ocorrido algo mais, sem ter ocorrido. Além disso você tem a visão de como a guerra é capaz de mudar o pensamento e o comportamento das pessoas.


A outra coisa legal do filme, é que resgatam ‘Bad’ do U2, um clássico dos anos 80, e ainda no fim,há uma música tema, também do u2 (belíssima ‘Winter’).

Uma pena que existam mais de 300 filmes com a mesma temática, fazendo deste pouco inovador e até vazio. As cenas que mostram Cahill capturado, paralelo com o clima bom de sua familia com Tommy dá uma pequena agitaçãozinha na trama e o filme não fica tão parado. Mas é deprimente… Você vê mais uma vez os Estados Unidos como bonzinhos inofensivos que lutam pela pátria enquanto todo o resto do mundo são ruins, malvados e sem coração. Super conveniente como sempre… E a cena que mostra Cahill sentando o cano nas costelas do companheiro serve para dramatizar ainda mais a situação e ter mais tristeza ainda… eu como sou sangue frio, notei este apelo de inicio, e não me comovi muito com a cena…

Gosto da atuação de Tommy (Gyllenhaal), ele é debochado, sarcástico e não tá nem aí pra nada, como na maioria dos filmes que assisti com ele. Já Cahill (Maguire) chega até a impactar com o olhar de um traumatizado pela guerra. Mas pra mim, ele sempre será o Spider Pig Man.

Assista o filme quando você estiver num período ocioso, talvez desempregado e com muito tempo para gastar… No mais, opte por Pearl Harbor…

Anúncios

4 pensamentos sobre “Entre irmãos (2009)

  1. “Assista o filme quando você estiver num período ocioso, talvez desempregado e com muito tempo para gastar… No mais, opte por Pearl Harbor…” kkkkkkkkk vc é demais rsrs.

    Bom, não concordo com sua crítica. Eu adorei o filme. E peso dramático me pegou de uma forma que nem sei explicar. A situação que envolvia os personagens é inquietante. e meu Deus do céu, o que foram aquelas atuações???? Além de tudo, gostei mais do filme pela forma com que ele me levou a pensar em alguns assuntos. E pra mim é aquele típico filme pra ser sentido e não analisado.

    Fiz um texto sobre também. Se quiser dar uma olhada…. http://cineindiscreto.wordpress.com/2010/10/27/entre-irmaos-2009-de-jim-sheridan/

  2. Gostei bastante do filme. Achei que o trio teve uma boa química, mas o Tobey tava surpreendentemente bem. Não vi nele nem traços de Peter Parker.

    Gostei da atuação do Jake e a Natalie dá pro gasto(oooo).

    Até achei a temática bem explorada. Um filme muito bom.

    Acredito sinceramente que você estava usando de sarcasmo ao falar de Pearl Harbor…né?

    • No começo ele tinha lá seus traços de P. Parker. Depois que ele voltou meio traumatiuzado deu pra ver uma outra faceta de Tobey, da qual não me acostumei ainda…

      Ah, eu adoro a atuação do Jake!

      Hehehehe, sim, fui sarcástica, pra variar um pouco…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s