Anos Incríveis (1988-1993)

Quem dos 20 aos 40 anos não se lembra de Kevin Arnold e seus pensamentos tão admirados pela gente? Ou da rouca voz de Joe Cocker cantando na vinheta de uma gravação em família – Os Arnolds – numa nostalgia quase viciante? The Wonder Years (ou Anos Incríveis, numa época onde não baixava séries de internet e esperava passar na Tv Cultura) é sem dúvida a série que mais marcou minha infância/adolescência e a mais especial. Tem um lugar reservado no meu coração, e é certeza que no coração de muitos também. Sua primeira temporada possuía somente 6 episódios, pois na época, a ABC tinha receio de arriscar numa série filmada com uma câmera, sem espectadores rindo de fundo (o que era tipicamente garantia de sucesso na época). Anos Incríveis logo em seu episódio piloto chamou atenção de todos, pela mescla que manteve em todos os episódios seguintes: misturar humor e melancolia.

Narrador: Havia apenas mais uma coisa a se dizer. a coisa simples, corajosa, a coisa que estava em ambos corações.
Kevin: Quer… Estudar pra nossa prova de História?
Winnie: Claro.

Com 6 temporadas, a série é narrada pelo próprio Kevin (Fred Savage), com uma voz já mais velha retratando o final da década de 60 e início de 70, período que entrou no ginásio e conheceu a difícil e confusa Winnie Cooper (Danica McKellar). Além disso, tem o pano de fundo de todos os fatos que aconteceram naquela época. Fatores políticos, cena musical, enfim. O gostoso de Anos Incríveis é que Kevin fazia toda nossas pequenas e grandes crises e descobertas da vida serem filosóficas demais, como se qualquer um de nós pudessemos (e podemos realmente) fazer da nossa vida a medida que crescemos uma história para ser contada anos depois. São realmente estes anos incríveis de cada um que são expostos de uma maneira sensível e maravilhosa pela série ao longo de seis anos. E apesar da série ter sido feita para os babyboomers da década de 60, o fato é que os jovens da década de 90 se identificavam demais com a série e pelo personagem Kevin pelos fatores que ocorriam a ele, tão coincidentes com a infância e adolescência de cada um.

“Crescer é algo muito rápido. Um dia você usa fraldas e no outro você vai embora. Mas as memórias da infância permanecem com você. Lembro-me de um lugar, uma cidade, uma casa como várias outras casas, um quintal como vários outros quintais, em uma rua como várias outras ruas. E o fato é que, após todos estes anos, eu ainda olho para trás e penso: “foram anos incríveis.”

Principais Personagens e por onde andam agora:

Fred Savage – Kevin Arnold


Kevin era o filho de Norma e Jack Arnold, que quase sempre era incompreendido. Seu irmão Wayne vivia pentelhando Kevin ou mesmo subornando. Winnie foi sua paixão desde quando a conheceu até o final da série. A única que se dava melhor com Kevin da família era sua irmã Karen, a Hiponga da história. Ah sim, e Kevin ainda tinha o seu melhor amigo, como todo mundo: Paul – o famoso caricato nerd.

O ator que interpretava Kevin – Fred Savage – se tornou uma pessoa meio afastada das óticas midiáticas, mas atua em alguns papéis e já chegou a filmar alguns filmes toscos como o mais recente O Acampamento do Papai. Teve mais sucesso dirigindo seriadinhos da Disney Channel e Nickelodeon…

Dan Lauria – Jack Arnold

O pai de Kevin, carrancudo veterano da guerra, porém com um perfil forte que por vezes cativava, na vida real obteve mais sucesso, digamos assim. Além de atuar em bons filmes como Independence Day, ele também continuou no ramo da televisão em séries como Smallville ou How I Met Your Mother.

Alley Mills – Norma Arnold

A fofíssima mãe, faz pontas em seriados e novelas. Nunca esteve em Red Carpet, mas é o tipo de atriz que só é lembrada pela série (não muito diferente do caso de Savage)

Jason Hervey – Wayne Arnold


O chatinho irmão de Kevin (que mais irritava do que cativava, mas era muito engraçado devido ao seu QI de pantufa) faz a série Scott Baio Is 45…and Single, casou-se com uma ex atriz pornô , virou produtor de TV e tá feio pra cacete. Notem como os elementos do rosto não se distribuiram bem e nem se expandiram dentro do rosto largo da criatura.

Olivia d’Abo – Karen Arnold

A Hippie agora dubla desenhos e fez uma ponta na série Eureka.

Danica McKellar – Winnie Cooper

A Namoradinha de Kevin fez ponta no How I Met Your Mother  (uma dos casos rápidos de Ted Mosby) e fez um livro de matemática para garotas o.O

Josh Saviano – Paul Pfeiffer


Ah sim, esse virou o Marilyn Manson e transa com si mesmo… Rá!

Saviano se formou em Ciências Políticas e Direito. Trabalha num escritório em Nova York e pra falar a verdade, deve ganhar mais do que todo o resto do elenco…

“Mais do que qualquer pensamento, é difícil imaginar ter 12 anos de idade…e não ter um melhor amigo com Paul Pfeiffer. Paul era o cara mais legal que eu conheci. Ele teria feito tudo por mim – Sei disto. E eu teria feito tudo por ele. Pelo menos, eu sempre pensei que faria.”

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

Abaixo, tem a primeira parte de um super especial da Tv Americana contando sobre a série. Tem 5 partes, sugiro ir lá no Youtube dar uma bizucada quem tiver interesse =)

Anúncios

5 pensamentos sobre “Anos Incríveis (1988-1993)

  1. Ótima lembrança, acompanhei toda a série que é fantástica.

    Os roteiros misturam comédia e drama, mostrando uma época em que crianças ainda eram crianças e não pequenos adultos como nos dias atuais.

    Até mais

  2. Ah, sempre assistia a série… Não me lembro em que ano, mas a TV Cultura exibiu durante um bom tempo a série de novo. Capaz de ainda reprisar em algum horário louco [a última vez que eu vi, estava sendo exibido em um sabádo a tarde!]. Série deliciosa e nostálgica!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s